Header Ads

Existe Verdade Absoluta?

Existe Verdade Absoluta?

Existe verdade absoluta? Como pode haver verdade absoluta para todos?

Existe verdade absoluta? A verdade absoluta é um fato fundamental da vida. Simplesmente não há maneira de contornar isso. Por exemplo, é um fato fixo, invariável e inalterável que não há absolutamente nenhum círculo quadrado e absolutamente nenhum quadrado redondo. Na verdade, não podemos sequer argumentar contra a existência de absolutos sem contradizer a nós mesmos. Se eu fosse argumentar que não existem absolutos, eu estaria me contradizendo, fazendo uma afirmação absoluta.

Por mais que nós queremos nos dias de hoje, simplesmente não podemos afirmar que não há absolutamente nenhum absoluto. O conceito não passa nos testes de lógica e da razão. Claro, alguém pode declarar, "não há certo, não há errado", mas, em seguida, a pergunta que deve ser feita é, essa declaração é certa ou errada?

Existe Verdade Absoluta? - É Realmente Absoluta?

Assim, como pode uma verdade absoluta se aplicar a todos? Simplesmente porque é um absoluto! Se não se aplica a todos, seria relativa. "A verdade absoluta" é definida como realidade inflexível: fatos fixos, invariáveis e inalteráveis. Por exemplo, é um fato fixo, invariável e inalterável que não existe absolutamente nenhum círculo quadrado e não existe absolutamente quadrado redondo.

Verdade Absoluta versus Relativismo

Enquanto a verdade absoluta é uma necessidade lógica, há algumas orientações religiosas (humanistas ateístas, por exemplo) que argumentam contra a existência da verdade absoluta. A exclusão do humanismo de Deus necessita de relativismo moral. O humanista John Dewey (1859-1952), coautor e signatário do Manifesto Humanista 1 (1933), declarou: "Não há Deus, e não há nenhuma alma. Portanto, não há necessidade dos adereços da religião tradicional. Com o dogma e o credo excluídos, então a verdade imutável também está morta e enterrada. Não há espaço para a lei fixa, natural ou moral absoluta". Os humanistas acreditam que o indivíduo deve fazer, aquilo que ele sente que é certo.

Verdade Absoluta - Uma Necessidade Lógica

Você não pode logicamente argumentar contra a existência da verdade absoluta. Argumentar contra algo é estabelecer que existe uma verdade. Você não pode argumentar contra a verdade absoluta, a menos que uma verdade absoluta seja a base do seu argumento. Considere alguns dos argumentos clássicos e declarações feitas por aqueles que procuram argumentar contra a existência da verdade absoluta ...

"Não há absolutos". Primeiro de tudo, o relativista está declarando que não há absolutamente nenhum absoluto. Essa é uma afirmação absoluta. A afirmação é logicamente contraditória. Se a afirmação é verdadeira, há, de fato, um absoluto.

"A verdade é relativa". Mais uma vez, esta é uma afirmação absoluta implicando que a verdade é absolutamente relativa. Além de postular um absoluto, suponha que a afirmação é verdadeira e "a verdade é relativa". Tudo, incluindo essa afirmação seria relativa. Se uma declaração é relativa, nem sempre é verdadeira. Se "a verdade é relativa" nem sempre é verdade, às vezes a verdade não é relativa. Isto significa que existem absolutos, o que significa que a declaração acima é falsa. Quando você seguir a lógica, os argumentos relativistas sempre se contradizem.

"Quem sabe qual é a verdade, verdadeira?". Na mesma frase o orador declara que ninguém sabe qual é a verdade, então ele se vira e pergunta a quem está ouvindo para afirmar a verdade de sua declaração.

"Ninguém sabe qual é a verdade". O orador, obviamente, acredita que a sua afirmação é verdadeira.

Há filósofos que realmente passam inúmeras horas trabalhando nos mais grossos volumes escritos sobre a "falta de sentido" de tudo. Podemos supor que eles acham que o texto é significativo! Depois há aqueles professores de filosofia que ensinam os seus alunos, "a opinião de ninguém é superior à de qualquer outra pessoa. Não há hierarquia de verdade ou valores. O ponto de vista de qualquer pessoa é tão válido como o ponto de vista da outra pessoa. Todos nós temos a nossa própria verdade".

Verdade Absoluta - Moralidade

A moralidade é uma faceta da verdade absoluta. Assim, os relativistas, muitas vezes declaram: "É errado você impor a sua moral em mim". Ao declarar que algo está errado, o relativista está se contradizendo ao impor sua moral em cima de você.

Você pode ouvir, "Não há certo, não há errado!" Você deve perguntar, esta declaração é certa ou errada?

Se você pegar um relativista no ato fazendo algo que ele sabe que é absolutamente errado, e você tentar argumentar com ele, ele pode responder com raiva, "A verdade é relativa! Não há certo e não há errado! Devemos ser capazes de fazer o que quiser!" Se isso é uma afirmação verdadeira e não há certo e não há errado, e todos devem ser capazes de fazer o que quiserem, então por que eles ficam com raiva? Qual é a base que eles têm para tanta ira? Você não pode ser intimidado por uma injustiça, ou qualquer outra coisa nesse caso, a menos que um absoluto de alguma forma foi violado.

Os relativistas muitas vezes argumentam, "Todos podem acreditar no que quiserem!" Nos leva a perguntar, por que eles estão discutindo? Nós achamos engraçado que os relativistas são aqueles que querem discutir sobre o relativismo.

Se você tentar dizer a uma relativista a diferença entre certo e errado, sem dúvida você vai ouvir: "Nada disso é verdade! Nós fazemos nossa própria realidade!" Se isso é verdade, e todos nós criamos nossa própria realidade, então a nossa declaração de responsabilidade moral é apenas uma invenção da imaginação do relativista. Se um relativista tem um problema com uma declaração da moralidade absoluta, o relativista deve tomar a questão com ele mesmo.

Verdade Absoluta - A Conclusão

Nós todos sabemos que há uma verdade absoluta. Parece que quanto mais nós argumentamos contra isso, mais provamos a sua existência. A realidade é absoluta se você sentir vontade de ser convincente ou não. Filosoficamente, o relativismo é contraditório. Praticamente, o relativismo é anarquia. O mundo está cheio de verdade absoluta.

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!