Header Ads

Como saber se você está sendo chamado para pregar

Como saber se você está sendo chamado para pregar
Como você saber se Deus está chamando você para pregar ou não? Quais são alguns indícios de que ele está chamando-o?

O chamado para pregar

De todos os lugares que eu li, é evidente que ninguém chama a si mesmo para o ministério ou para pregar. É um chamado de Deus. Quando Deus chamou os profetas, eles foram relutantes no início, pensando que eles eram muito jovens ou não qualificados, mas Deus não está à procura de homens qualificados para pregar ... Ele qualifica-os para pregar.

O chamado não é de origem humana, assim como o apóstolo Paulo deixa claro no início de suas epístolas ou cartas, como em Gálatas 1:1, onde ele escreve: "Paulo, apóstolo (não da parte dos homens, nem por intermédio de homem algum, mas sim por Jesus Cristo, e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos)". O mesmo acontece em Romanos 1:1, onde diz "Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus". Do mesmo modo no livro de Efésios 1:1 que diz: "Paulo, apóstolo de Cristo Jesus pela vontade de Deus, aos santos que estão em Éfeso, e fiéis em Cristo Jesus".

Vemos tudo isso (e mais) que atesta o fato de que Paulo foi chamado por Deus e não pelo homem. Esse é o ponto número um. Deve ser Deus quem chama ou não há uma chamada em absoluto.

Uma compulsão para pregar

Há um chamado externo por Deus, mas existe também um chamado interior que é como o fogo proverbial no peito onde Jeremias escreveu uma vez, "Se eu disser: Não farei menção dele, e não falarei mais no seu nome, então há no meu coração um como fogo ardente, encerrado nos meus ossos, e estou fatigado de contê-lo, e não posso mais" (Jeremias 20:9) e assim como Paulo escreveu: "Pois, se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, porque me é imposta essa obrigação; e ai de mim, se não anunciar o evangelho!" (1 Coríntios 9:16) Conheça o curso: Pregador Completo 

Esta paixão constrange a pessoa a pregar o evangelho para aqueles que não podem ajudar a si mesmos. Deus os chamou e eles sentem que o chamando no seu coração é tão esmagador que o torna um chamado incontestável, assim como quando os apóstolos foram ordenados a não pregar sobre Jesus mais, "Mas Pedro e João, respondendo, lhes disseram: Julgai vós se é justo diante de Deus ouvir-nos antes a vós do que a Deus; pois nós não podemos deixar de falar das coisas que temos visto e ouvido" (Atos 4:19-20).

Uma porta aberta para pregar

Quando Deus chama um homem para pregar, Ele também abre uma porta para ele pregar, assim como Paulo disse diante do Conselho Judaico em Atos 22:21 e disse: "Disse-me ele: Vai, porque eu te enviarei para longe aos gentios". Na estrada de Damasco, Paulo encontrou o Cristo vivo e quem disse a Ananias, "Vai, porque este é para mim um vaso escolhido, para levar o meu nome perante os gentios, e os reis, e os filhos de Israel" (Atos 9:15). Paulo recorda o relato da sua vocação em Atos 26:16-17 onde Deus lhe disse: "mas levanta-te e põe-te em pé; pois para isto te apareci, para te fazer ministro e testemunha tanto das coisas em que me tens visto como daquelas em que te hei de aparecer; livrando-te deste povo e dos gentios, aos quais te envio".

Um coração para os perdidos

Quando alguém diz que está sendo chamado para pregar, mas não quer testemunhar, há um problema, porque vem com o chamado (ou pelo menos deveria) um esmagador desejo de resgatar os que perecem. A compulsão para pregar também é uma compulsão para ser usado por Deus como um meio para salvar alguns. Os que são chamados não se preocupam com a perseguição, ódio, insultos, abuso, ridículo, e, em alguns casos, a morte. Eles preferem buscar os perdidos ao invés de esperar que os perdidos os procurem. Jesus foi enviado para buscar e salvar aqueles que estão perdidos como ele disse, "o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido" (Lucas 19:10) e assim também são os pregadores que são chamados por Deus. Paulo pergunta: “Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem não ouviram falar? E como ouvirão, se não há quem pregue?" (Romanos 10:14) e, como todos sabemos, "a fé vem pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Cristo" (Romanos 10:17).

Conclusão: Se não tem a certeza que você está sendo chamado, reveja estes detalhes para que você possa saber com certeza, porque quando você sabe, você vai saber sem dúvidas. É como se você fosse infeliz fazendo qualquer outra coisa e você não pudesse deixar de pregar. É como uma avalanche de sentimentos que obriga a pessoa a procurar o perdido, a alcançar o perdido, e pregar a Palavra de Deus. Uma igreja, muitas vezes, separa ou ordena um pastor que tem o chamado interior, uma chamada exterior, e depois têm a certeza quando Deus abre uma porta para ele pregar. Então, é como Paulo escreveu: "Pois, se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, porque me é imposta essa obrigação; e ai de mim, se não anunciar o evangelho!" (1 Coríntios 9:16)

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!