A Escravidão Que Liberta

"Em quem [Cristo] temos a redenção" (Efésios 1:7).

Escravidão ao pecado é escravidão; escravidão a Deus é liberdade.

A liberdade é uma coisa preciosa. Pessoas ao longo da história oraram, lutaram e até morreram por liberdade. Nossa Declaração de Independência a sustenta como um dos nossos direitos inalienáveis.

Mas a verdade é que, não importa qual seja a situação política, todos são escravos - seja para o pecado ou para Deus. Jesus disse que "todo aquele que comete pecado é escravo do pecado" (João 8:34). Paulo acrescentou que toda a criação está em escravidão à corrupção (Romanos 8:21). Contudo, os crentes “foram libertados do pecado e feitos escravos de Deus” (Romanos 6:22).

O Império Romano tinha até vinte milhões de escravos; o tráfico de escravos era uma grande indústria. Para que um escravo ganhasse sua liberdade, era necessário pagar um preço de resgate. A palavra grega para essa transação é lutroō, que Paulo usa em Efésios 1:7 para falar de nossa "redenção" da escravidão do pecado.

Escravidão ao pecado é escravidão; escravidão a Deus é liberdade. Isso parece paradoxal, mas Deus é o Rei Soberano, e a verdadeira liberdade significa ter a capacidade de submeter sua vontade à dele e, assim, tornar-se tudo o que Ele criou para você. Mesmo que você às vezes falhe, seu maior desejo e maior busca como crente é ser como Cristo (1 João 2:5-6). Os escravizados ao pecado não podem fazer isso, nem querem.

Hoje você terá muitas oportunidades para demonstrar sua submissão a Cristo. Deixe suas atitudes e ações falarem claramente de seu amor pelo Mestre.

Sugestões Para Oração

Agradeça ao Senhor que Ele é um Mestre fiel e justo que sempre faz o que é melhor para Seus servos. Um escravo egoísta é uma contradição em termos. Peça ao Senhor para protegê-lo de pensamentos e ações contrários à Sua vontade.

Para um Estudo Mais Aprofundado

De acordo com 1 Coríntios 4:1-2, que característica essencial é requerida de um servo de Cristo?
Leia Mateus 24:42-51. Como Jesus descreve um servo sábio?
Leia Filipenses 2:5-11. Como Jesus demonstrou o coração de um servo?
Que implicações o exemplo Dele tem para a sua vida?

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem