Seja Tardio Para Falar

Seja Tardio Para Falar
"Sabei isto, meus amados irmãos: Todo homem seja pronto para ouvir, tardio para falar e tardio para se irar" (Tiago 1:19).

Não se apresse para o papel de mestre da Bíblia.

$ads={1}

É relatado que, quando o reformador escocês John Knox foi chamado para pregar, ele derramou muitas lágrimas e se retirou para a privacidade de seu quarto. Ele ficou triste e muito preocupado com a perspectiva de uma responsabilidade tão impressionante. Somente a graça convincente do próprio Espírito Santo permitiu a Knox cumprir seu chamado.

John Knox entendeu a importância de ser tardio para falar. Ele sabia que Deus responsabiliza os mestres da Palavra pelo que eles dizem e lhes dará um julgamento mais rigoroso se violarem seu ministério (Tiago 3:1-2).

Em certo sentido, Deus responsabiliza todos pelo que dizem. Você deve entender "Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas ó a que seja boa para a necessária edificação, a fim de que ministre graça aos que a ouvem" (Efésios 4:29). Mas ser tardio para falar não se refere a vocabulário ou opiniões. Refere-se a ensinar a Palavra. Você deve buscar todas as oportunidades para ouvir a Palavra de Deus, mas exercer relutância em assumir o papel de mestre. Por quê? Porque a língua revela os pecados sutis do coração e ofende facilmente os outros (Tiago 2:2).

Isso significa que você nunca deve ensinar a Bíblia? Não, porque Deus ordena que todo crente "faça discípulos... Ensinando-os a observar tudo" que Jesus ensinou (Mateus 28:19-20, ênfase adicionada). E o Espírito concede a muitos crentes que sejam pregadores e mestres da Palavra. Paulo disse: "porque me é imposta essa obrigação; e ai de mim, se não anunciar o evangelho!" (1 Coríntios 9:16).

Você deve aproveitar todas as oportunidades para compartilhar o evangelho com outras pessoas e, se Deus o chamou e lhe deu um dom para ensinar a Palavra, seja fiel em fazê-lo. Mas lembre-se, essas são responsabilidades sérias e sagradas. Certifique-se de que seus motivos sejam puros e que seu ensino seja preciso. Se alguém se ofender, que seja pelo poder convincente da Palavra, não por algo que você disse em um momento sem vigiar.

Peça ao Senhor para ensiná-lo a guardar a língua e falar apenas o que edifica aos outros.

Leia Provérbios 10:19, 13:3, 17:28 e 29:20, observando o que cada um ensina sobre o discurso sábio.

Postagem Anterior Próxima Postagem